Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O que pensa, Denis Lehane

Sábado, 31.05.08

 

“ Temos os nossos sonhos.
Mas é preciso vivê-los também???”
 
E eu? e tu?
cada um de nós?
que pensamos dos sonhos que criamos, que construímos…
com que sonhos nos envolvemos e convivemos?
que destino damos aos sonhos?
RS
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por dolce_vita às 23:23

Sob um céu a luzir o dia

Terça-feira, 27.05.08

 

  

 Respiramos um maio manso

acabrunhado

pálido

Enroscamo-nos nas palavras quentes

nos contornos de um abraço...

e na entrada da noite

perdemo-nos em corpos naufragados

e melodias de embalar...

Descobrimos o tempo no nosso olhar... 

e bordamos de ternura o nosso nome

Viajamos docemente no feitiço

dos beijos ávidos...insaciados

 

tacteamos a pele macia

em carícias ondulantes

espraiando-se pela noite calma

que nos espreita no seu olhar errante...de sois e luas

de prazer e sonhos

embriagados de serenas delícias...na quietude silenciosa de afagos

Entregamo-nos à placidez do nosso olhar...

ao perfume de um abraço

ao hálito doce das cerejas

sob um céu a luzir o dia

 

 RS

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por dolce_vita às 02:43

Felicidade

Sábado, 17.05.08

 

 

" Há, um minuto inteiro de felicidade!

 Mas não basta isso para encher a vida

 De um Homem?"

 

 

Fédor Dostoievsky, Noites Brancas

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por dolce_vita às 01:02

Não há longe...há sentir

Quarta-feira, 14.05.08

 

Quando se abre as janelas do coração

e deixamos entrar alguém

e aconchegamos e afagamos a sua alma...

e a prendemos a nós com laços acetinados

de ternura e amor...e caminhamos ao seu lado

na mesma planura...na mesma aridez

no mesmo jardim ou deserto

fazendo o mesmo caminho...Não estamos sós

amamos e partilhamos...vemos juntos

vemos com o mesmo brilho

 

então acredito, acredito no que li algures, porque é o que sinto.

 

" A distância, diminui as paixões medíocres

 e aumenta as grandes,

 assim como o vento apaga as velas

 mas atiça as fogueiras."

 

RS

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por dolce_vita às 00:30

Anos dourados

Domingo, 11.05.08

 

 

Há canções que ficam na memória

que nos invadem os sentidos

e nos deixam passear nas palavras...

 

e sem nostalgia regresso

num doce encanto

ao momento em que nos olhávamos e cantavas para mim

como se fosses o Chico

Anos dourados

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por dolce_vita às 01:54

...

Quinta-feira, 08.05.08

 

 

"Muitas pessoas procuram

a felicidade, assim como

o homem distraído procura

nervosamente o chapéu

que tem na mão ou na cabeça."

 

 Sidney Smith

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por dolce_vita às 22:33

As coisas vulgares que há na vida...

Terça-feira, 06.05.08

 

 

 

 

"mais que a cólera,

mais que o desprezo,

mais que o soluço..."

Pablo Neruda

Eu, se fosse poeta,

diria que as coisas vulgares são os muros altos, escuros, sujos

que não nos deixam alcançar o lado de lá da claridade...

vulgares, porque em cada dia que passa são mais...são muitos...

para ultrapassar

vulgares, porque somos cada vez mais impotentes para fazer a escalada...

RS

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por dolce_vita às 22:36

MÃE

Domingo, 04.05.08

 

PARA TI, MÃE

 

Não há jardins que acolham

tantas as flores que deixei de te dar

Mas em cada uma tens a certeza que está o meu infinito amor

Pela MULHER E MÃE que ÉS !

E porque ambas sabemos a importância do amor e da partilha

E porque somos mães

Que esta rosa seja também

Uma rosa de outras mães...para todas as mães.

Que todas as pétalas poisem suavemente em todos os rostos...

Rostos que olhamos e nos olham

Para lá do que vemos...para lá do tempo...

RS

(A foto foi tirada por mim,não sou artista,mas ofereço com carinho

porque a mim também me foi oferecida)

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por dolce_vita às 00:08

Perto de ti...do mar

Sexta-feira, 02.05.08

 

Contemplar o mar...estar perto de ti...

Humedecer os olhos no descanso longínquo

Das ondas que trazem as palavras...

Em linguagem murmurada...mansa

Ser espuma que se desfaz  no teu abraço

E sentir desejo de cantar...cantar contigo

E o manto luzidio azulado

Ondulante de brisa marinha

Convida a enlaces de mãos

Olhares de mel

Em prolongada tarde ...num abandono dos outros

Na vasta paisagem da tua presença

Perto de ti...do mar

E na melodia das palavras

Dançam os sentidos desnudos

Num turbilhão de desejos

Que se fundem na imensidão do mar

No alaranjado do céu a perder de vista...

E alheios no enlevo de beijos dourados

Abraçamos a ternura de sermos...

Areias nas carícias das ondas

RS

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por dolce_vita às 00:30





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Maio 2008

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031